Perguntas Frequentes

 Hérnias são comuns?

No Brasil, dados atuais do Ministério da Saúde (DATASUS) mostram que são realizados anualmente 220.000 reparos inguinais nos hospitais públicos. Somando-se esta cifra aos 80.000 casos tratados nos hospitais privados, revela-se a real dimensão social e econômica desempenhada pela doença herniária inguinal – cerca de 300.000 casos/ano. Nos Estados Unidos são operados 700.000 pacientes por ano com hérnias inguinais e um em cada 200 adultos visitará um médico devido a algum tipo de hérnia de parede abdominal.

 O que é uma hérnia?

A hérnia é uma área de fraqueza, um defeito ou um orifício nos músculos do abdome que permitem que um órgão ou tecido, como gordura ou intestino, se desloque através dessa abertura. Ainda que hérnias possam ocorrer em muitos lugares no corpo humano, elas são mais comuns na parede abdominal.

 Quais são os sinais e sintomas mais frequentes de hérnia abdominal?

Abaulamento (nódulo aparente) e/ou dor leve e recorrente. Cada hérnia é diferente e os sintomas podem aparecer gradualmente ou subitamente. As pessoas experimentam diferentes graus de dor. Algumas pessoas sentem como se algo tivesse rompido ou “saído para fora”. O sinal mais comum é o abaulamento. Percebe-se na área da hérnia a protrusão (protuberância) de um conteúdo intra-abdominal que fica represado pela pele. Outros achados incluem: sensação de pressão no local, ardência, desconforto no abdome, região inguinal ou escroto; abaulamento que aumenta com a tosse ou esforço e que desaparece quando deitado; dor ao fazer esforço ou tossir.

 O que causa hérnias?

Pontos da parede abdominal muscular com fraqueza pré-existente (predisposição). Eles podem existir devido a um mau fechamento congênito (o portador da hérnia já nasceu com um defeito específico) ou por enfraquecimento adquirido das fibras musculares (acima de 40 anos).

 Levantamento de peso pode causar hérnias?

Levantamento de peso pode agravar uma hérnia, mas não realmente causá-la. O que ocorre é que a maioria das hérnias é o resultado de uma área de fraqueza muscular que já existia muito antes da hérnia aparecer. Se você tem um ponto de fraqueza em uma parede muscular, a pressão aumentada por peso corporal excessivo, tosse, levantamento de peso ou compressão por movimentos intestinais podem forçar essa área, permitindo que parte de um órgão interno ultrapasse essa resistência dividindo as fibras musculares.

 Onde ocorrem as hérnias?

Mais freqüentemente na virilha (região inguinal), cicatriz umbilical, abdome superior e próximo a cicatrizes de cirurgias abdominais prévias.

 É necessário tratamento médico para hérnias?

Sim. É necessário e importante ter a hérnia reparada. Sem tratamento uma hérnia não desaparece, mas vai geralmente crescer e se tornar mais dolorosa. Se você acha que tem uma hérnia consulte um médico. Ele vai poder confirmar o diagnóstico e mostrar as opções de tratamento.

 As hérnias sempre necessitam de cirurgia?

Existe apenas uma forma de curar hérnias: cirurgia. Elas não desaparecem sozinhas. A boa notícia é que atualmente a cirurgia para hérnia é rápida, apresenta nível alto de segurança e gera pouco desconforto. A decisão de prorrogar a cirurgia corretiva quando não há sintomas deve ser discutida com seu médico especialista.

 Como os cirurgiões reparam as hérnias?

Os cirurgiões usam várias técnicas diferentes hoje em dia. Basicamente as técnicas se dividem em videolaparoscópicas e por inguinotomia (incisão inguinal). Os casos tem particularidades e por isso deve ser visto qual método é melhor para a situação específica do paciente. Não existe um método único que sirva melhor para todos os tipos de hérnias e de pacientes.

 O que é o PHS (Sistema de Prolene para Hérnia)?

PHS é um sistema moderno para reparo de hérnias que usa tela dupla. Ele combina várias vantagens dos reparos herniários livres de tensão (tension-free). O dispositivo usado é tridimensional: são duas telas planas ligadas por um conector de tela.

 O que é o Plug and Patch?

É um sistema operatório muito usado nos Estados Unidos onde as duas telas não são conectadas. Uma delas fica atrás do plano muscular rompido e a outra fica na frente. É de fácil aplicação com mínima agressão cirúrgica, podendo ser feito com mini-incisão.

 Quanto tempo dura um reparo feito com PHS ou Plug and Patch?

É um reparo permanente. Os dispositivos são inertes e a estrutura em forma de tela se torna incorporada ao tecido normal dentro das camadas musculares. Não precisa ser retirada. As chances de recorrência de hérnia após esse reparo são mínimas. Pode-se classificar em 99,5% de cura.

 Vou sentir dor após um reparo de hérnia com PHS?

Pacientes operados com PHS ou Plug and Patch (aplicados por mini-incisão do protocolo atual) geralmente experimentam menos desconforto que pacientes tratados com outras técnicas. Em muitos casos, apenas medicamentos como paracetamol e codeína via oral são suficientes para minimizar o desconforto. Provavelmente porque a técnica em questão necessita de menos sutura e é menos agressiva que outros métodos.

 Como se pode comparar a técnica com PHS e Plug and Patch às demais técnicas?

Apresenta todas as vantagens dos reparos sem tensão além dos seguintes benefícios: menos passos cirúrgicos, menos sutura, a tela protege o pré-peritônio atrás da musculatura sem necessidade de anestesia geral (na maioria dos casos). A mini-incisão para os casos inguinais tem ainda vantagens estéticas.

 O uso de PHS ou Plug and Patch são as melhores técnicas para todos os casos?

São técnicas que podem ser aplicadas em todos os casos. A definição, entretanto, depende da avaliação médica pré-operatória. Existem poucas exceções e o especialista em hérnias saberá gerenciar estas escolhas.

 Tem alguma coisa que eu possa fazer para prevenir recorrência?

A melhor coisa a fazer é se manter saudável se alimentando bem, sem fumar, exercitando-se regularmente, mantendo um peso adequado e usando técnicas corretas de fazer esforço.

 Meu plano de saúde cobre cirurgia para hérnia?

Todos os planos de saúde oferecem cobertura para cirurgias de hérnias de parede abdominal.

 Como o ato de fumar se relaciona com hérnia?

A tosse crônica por irritação pulmonar do cigarro pode estabelecer uma situação de risco aumentado para o aparecimento de uma hérnia. As substâncias tóxicas inaladas também podem enfraquecer as camadas músculo-aponeuróticas do abdome e região inguinal.

 As hérnias são hereditárias ou congênitas?

As hérnias não são hereditárias. Você pode ter uma tendência herdada a ter músculos abdominais fracos, mas hérnias propriamente ditas são adquiridas ou congênitas. Congênito significa algo que acontece ou está presente no nascimento. Hérnias adquiridas são causadas pelo exercício, ganho de peso, degeneração dos tecidos pela idade e outros fatores que fazem romper uma área muscular previamente fraca.

 Homens são mais suscetíveis?

Homens são mais propensos a hérnias da região inguinal do que mulheres devido às diferenças básicas anatômicas. A persistência do conduto que leva os testículos de dentro do abdome para a bolsa escrotal em homens, antes do nascimento, é uma área comum de fraqueza e propensa a hérnia.

 Que tipo de anestesia é utilizado?

Em correções com incisão inguinal usando PHS ou Plug and Patch a anestesia é local+sedação; nas cirurgias por videolaparoscopia a anestesia é geral.

 Qual é o tamanho da incisão inguinal ( inguinotomia) quando se usa PHS ou Plug and Patch com anestesia local?

Geralmente 4 cm é suficiente; pode ser um pouco maior em pacientes com obesidade ou com hérnia recorrente inguinal.

 Quanto tempo leva para retornar às atividades normais?

Atividades profissionais que não necessitem de esforço físico podem ser realizadas após três dias , como trabalhos de mesa, computador, telefone, etc. Dirigir automóveis em 5 dias. Trabalho com atividade física associada pode ter que aguardar 15 dias.
Estas estimativas são para hérnias inguinais unilaterais e precisam de confirmação do cirurgião após o procedimento.

Nossas Diretrizes

Porque Somos Diferentes

Após visitar os melhores centros de hérnia dos Estados Unidos e Canadá nos anos 90 verificamos que especialistas em hérnias obtém melhores resultados.

Assim focalizamos nosso trabalho na cura das hérnias de parede abdominal trazendo aos nossos pacientes a melhor tecnologia existente beneficiando um grande número de pessoas da nossa sociedade.

Especialistas em Tratamento de Hérnia
“Para obter os melhores resultados tenha certeza que você está sendo tratado por um cirurgião dedicado à cirurgia de hérnias”Dr. Brian Jacob, New York | USA
Fundador da International Hernia Collaboration, Inc.